Who you gonna call? Expo em Campinas marca 30 anos dos Caça-Fantasmas

20140611_GB_Victor_r0100

Talvez tenha sido a combinação de estrelas do humor como Bill Murray, Dan Aykroyd e Rick Moranis com a sensualidade inesperada de Sigourney “Alien” Weaver. Ou quem sabe foram os efeitos especiais caprichados com os sustos sob medida garantindo o gênero “terrir”. Ou mais provavelmente a trilha sonora aliada a algum poder misterioso que veio não de Gozer nem muito menos do boneco de marshmellow gigante em que ele se transformou, mas de Geléia, obviamente. O fato é que três décadas anos depois o fenômeno pop batizado de Ghostbusters continua a mexer com as mentes de muita gente que já sabe: se há algo estranho na vizinhança, quem você vai chamar? Os Caça-Fantasmas, é claro!

Para comemorar os 30 anos do filme, lançado em 8 de junho de 1984, a Pandora Escola de Arte organizou uma exposição com professores, alunos e convidados se inspiraram e fizeram dezenas de trabalhos com técnicas livres. A exposição leva o nome adaptado da trilha sonora no original em inglês: “Who you gonna call: 30 anos dos Caça-Fantasmas” e tem entrada livre ao público.

20140611_GB_SandroHojo_r0100

“O filme foi um clássico dos anos 80, empolgou crianças e adultos com efeitos especiais até então  surpreendentes, muitos sustos e uma trilha sonora inesquecível, que por sinal garantiram dois Oscars no ano seguinte, justamente pela música e os efeitos. Mais do que isso, foi a segunda maior arrecadação daquele ano, superando o segundo filme da série Indiana Jones, e é o 28º na lista das 100 melhores comédias de todos os tempos da American Film Association”, relembra Ricardo Quintana, curador da mostra.

Para quem não viu a película no cinema ou nas inúmera (com o perdão do trocadilho)  aparições na “Sessão da Tarde”, Ghostbusters conta a história de um trio formado por dois cientistas (interpretados por Aykroyd e Harold Ramis) e um aparente charlatão(Murray) que depois de perderem o emprego em uma universidade se dedicam à caça de fantasmas na cidade de Nova York. Insolitamente, eles encontram as almas desgarradas, e em grande número.

20140611_GB_LuizGustavo_Egon

Com o sucesso do negócio, o trio vira quinteto (com a presença do engraçado Ernie Hudson na pele de dr. Zedmore e a secretaria Janine) e descobre que o grande número de fantasmas se deve à vinda deve à vinda de Gozer, um deus sumeriano que está estranhamente ligado à primeira cliente do grupo, a bela Dana Berret, e o contador tampinha Lous Tully – Rick Morranis, que dá show no papel tanto antes como depois da “possessão” que sofre durante o filme.

Hilária e cheia de surpresa, a história tem entre seus pontos altos a iconográfica batalha contra o Homem-de Marshmellow gigante que abominava as fantasias infantis de Aykroyd/Dr.Ray e um “pós-final” com o ectoplasma Geléia que hoje já não seria novidade, mas marcou época e lançou moda nos anos 1980. Para quem quiser reviver os Caça-Fantasmas fora das telas (e não custa lembrar que o roteiro do filme era de dois dos atores principais, Aykroyd e Ramis), a exposição da Pandora fica aberta até o final do mês, de segunda a quinta, das 9 às 20 horas; nas sextas das 9 às 18;  e aos sábados das 9 às 12 horas. O endereço é Rua Joaquim Novaes, 146, Centro e, caso veja algo estranho por lá, lembre-se: who you gonna call?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s